Meditações

UM PESO, DUAS MEDIDAS

 

UM PESO, DUAS MEDIDAS

 

“Dois pesos são coisa abominável ao SENHOR, e balança enga­nosa não é boa” (Provérbios 20:23)

 

Conta-se que Rui Barbosa quando iniciava sua brilhante carreira de um dos maiores jurisconsultos do Brasil na Bahia, apareceu-lhe, certa vez, um açougueiro, perguntando-lhe:

- Doutor, se o cachorro de um vizinho lhe furta um pedaço de car­ne, pesando cinco quilogramas, o dono é obrigado a pagar?

- Tem testemunhas?

- Tenho.

- Então, o doutor me deve R$ 100,00, pois foi seu cachorro que roubou a carne.

O futuro famoso jurisconsulto fez o pagamento e, quando o açou­gueiro ia saindo, chamou-o:

- Por favor, venha cá, pois ainda não terminamos nossa conversa.

E a consulta jurídica?

- Tenho de pagar?

   - Naturalmente, mas são apenas R$ 1.000,00.

Um ditado português diz: “Um peso, duas medidas”. O referido dita­do é usado para definir quando alguém dá tratamento desigual a duas situa­ções iguais ou semelhantes. Sobre isso, no texto sagrado acima há duas lições preciosas. Vejamos:

Primeira, qualquer tentativa de enganar o próximo desagrada a Deus. O texto diz: “Dois pesos são coisa abominável ao Senhor”. Não pode­mos usar um peso e apresentar duas medidas diferentes. Um quilo é um quilo em qualquer ocasião e lugar do mundo. O que queremos que nos fa­çam devemos fazer também.

Segunda, qualquer subterfúgio usado para enganar o próximo é abominação ao Senhor. Note o que diz o texto: “balança enganosa não é boa”. Infelizmente, a prática da “balança enganosa” sempre ocorreu no comércio. O comerciante pode até enganar o cliente, mas Deus sabe o peso ideal das nossas intenções.

São oportunas as palavras do clérigo, filósofo e escritor português do século XVII Antônio Vieira: "Das obras grandes ou pequenas, das ações ge­nerosas ou vis, cada um traz na própria cabeça a verdadeira medida."

 

Oração: Querido Deus, livra-me de usar qualquer subterfúgio ou palavras para enganar o meu próximo.

 

Athos no Facebook

Athos & Meditações

O que dizem sobre nós

Só uma escola com uma excelente estrutura, pode oferecer o melhor para nossos filhos, estrutura essa, tanto em suas instalações, quanto acadêmica e espiritual. Ricardo Luis

"Eu gostei de aprender de forma prática sobre os paralelos e meridianos. Eu gostei de fazer a bola com a minha mãe, usando barbante, cola de isopor e alfinetes".  Ana Cecília - 6º ano A

«
»