Meditações

IMPOSSÍVEL

IMPOSSÍVEL

 

Agora, vocês que têm juízo, me escutem. Será que Deus faria alguma coisa errada? Será que o Todo-Poderoso cometeria uma injustiça?” (Jó 34:10 NTLH).

 

Há quatro séculos antes de Cristo Sócrates disse: “Melhor sofrer uma injustiça do que cometê-la”. Com outras palavras seu contemporâneo o filósofo Demócrito disse: “Se sofrer uma injustiça, console-se, a verdadeira infelicidade é cometê-la”. É infeliz quem comete injustiça. Quem comete injustiça convida a infelicidade para morar na sua casa.

No texto acima, Jó apela para o bom senso das pessoas de juízo e faz duas perguntas retóricas. Nelas há lições. Vejamos:

Primeira, é impossível que Deus cometa erros. Note mais uma vez o que diz o texto: “Agora, vocês que têm juízo, me escutem. Será que Deus faria alguma coisa errada? Deus não comete erros. Deus é perfeito. Infelizmente, algumas pessoas que podem cometer injustiças e continuarem impunes. Quem comete injusta é infeliz e a vida testifica isso.

Segunda, é impossível que Deus cometa injustiças. Deus é justo. Deus não comete injustiça, pois isso contraria traços do seu próprio caráter que é por essência justo. Infelizmente, vivemos num mundo em que a injustiça campeia, mas a justiça de Deus é tão extraordinária que ensina aquele que comete injustiça com o fruto de seus próprios atos. Deus não comete injustiça, mas usa a injustiça praticada pelos injustos para ensinar que o preço da injustiça é muito alto para quem comete injustiça.

À luz dessas verdades, continuam valendo as palavras de Sócrates: “Melhor sofrer uma injustiça do que cometê-la”.

 

ORAÇÃO: Querido Deus, livra-me de cometer qualquer ato de injustiça. Ajuda-me a trilhar as veredas da justiça.

Athos no Facebook

Athos & Meditações

O que dizem sobre nós

Só uma escola com uma excelente estrutura, pode oferecer o melhor para nossos filhos, estrutura essa, tanto em suas instalações, quanto acadêmica e espiritual. Ricardo Luis

"Eu gostei de aprender de forma prática sobre os paralelos e meridianos. Eu gostei de fazer a bola com a minha mãe, usando barbante, cola de isopor e alfinetes".  Ana Cecília - 6º ano A

«
»